17 de julho de 2017

Lugares para aproveitar o frio no Rio de Janeiro

O Rio de Janeiro é referência no verão e todo mundo sabe. Mas além das belíssimas praias da cidade, é possível explorar diversos lugares maravilhosos no interior do Rio, especialmente no inverno. E quem não gosta de aproveitar essa época viajando para locais que remetam o friozinho?

Estrada. Lugares para aproveitar o inverno no RJ.

Leia também: Campos do Jordão: conheça a Suíça brasileira

A dica para quem quer aproveitar o frio no Rio é visitar as cidades da região serrana, como Nova Friburgo, Petrópolis e Teresópolis. Já na região do Parque Nacional de Itatiaia, é possível conhecer Penedo e Visconde de Mauá.

Eu já viajei para todas acima e garanto: qualquer uma que você escolher não irá se arrepender. Mas caso você esteja buscando um lugar para aproveitar o frio mesmo, como pegar neve e tudo mais, esses não são os destinos ideais. Os termômetros podem chegar a marcar 5 graus, mas passar disso é difícil.

Conheça cinco lugares para aproveitar o inverno no Rio

  • Visconde de Mauá

Visconde de Mauá faz parte dos estados de Minas Gerais e Rio de Janeiro. A região foi dividida em três vilas: a vila de Visconde de Mauá, Maringá e Maromba. Os atrativos naturais e a gastronomia são os grandes destaques de Mauá e suas vilas. A Cachoeira do Escorrega, o Vale do Alcantilado e o Pico da Pedra Selada são os lugares mais visitados pelos turistas.

Cachoeira do Escorrega em Visconde de Mauá. Fonte: Wikipédia.

Cachoeira  do Escorrega – Visconde de Mauá

  • Penedo

Penedo fica localizada na Serra da Mantiqueira, pouco antes de pegar a serra para Mauá. A cidade tem o nome de “Pequena Finlândia” devido a colonização finlandesa no local. E os costumes da colônia continuam preservados até hoje. Fábricas de chocolates, construções em estilo enxaimel, cachoeiras, muitas araucárias e até Casa do Papai Noel são vistas em Penedo.

Pequena Finlândia, Penedo. Fonte: Pinterest.

  • Nova Friburgo

Conhecida como capital nacional da lingerie, é o destino exclusivo para compras de peças íntimas. Emoldurada pela Mata Atlântica, a cidade oferece vários passeios que levam a cachoeiras, mirantes e reservas ambientais. Dentre os principais pontos turísticos está a Chocolateria Suíça, o passeio de teleférico e o Country Club.

Country Club em Nova Friburgo. Fonte: Wikipédia.

Country Club – Nova Friburgo

  • Petrópolis

Petrópolis é conhecida também como Cidade Imperial, pois era o lugar para onde a família real se mudava no verão. Construções históricas e palácios fazem parte da identidade da cidade. É impossível sair de lá sem conhecer o Museu Imperial, o Palácio de Cristal e a Cervejaria Bohemia. No mês de junho é quando acontece o Bauernfest, uma das principais festas germânicas do Brasil.

Museu Imperial em Petrópolis. Fonte: Wikipédia.

Museu Imperial – Petrópolis

  • Teresópolis

Enquanto a vizinha Petrópolis é marcada por luxo e alta movimentação, Teresópolis é ideal para quem busca um ritmo mais sossegado. É exatamente quando as temperaturas caem que as pousadas lotam e os restaurantes ficam repletos de famílias e casais. O Parque Nacional da Serra dos Órgãos, a Granja Comary e a Vila St. Gallen são referências na cidade.

Parque Nacional da Serra dos Órgãos em Teresópolis. Fonte: Wikipédia.

Parque Nacional da Serra dos Órgãos – Teresópolis

Gostaram das dicas? Que tal aproveitar o friozinho em algum dos destinos acima?

0 comentários

Deixe seu comentário